(((rádio lucweb))) : Bombeiros encontram corpo de idoso levado por enxurrada em Sorocaba Homem foi arrastado por cerca de 700 metros.

11 de mar de 2015

Bombeiros encontram corpo de idoso levado por enxurrada em Sorocaba Homem foi arrastado por cerca de 700 metros.

Ele foi atingido por um galho e levado pela correnteza durante temporal.
Bombeiros encontram corpo de idoso que foi levado por enxurrada (Foto: Divulgação / Corpo de Bombeiros)

Bombeiros encontraram na manhã desta quarta-feira (11) o corpo do idoso Benedito Generoso Prestes Neto, de 71 anos, que desapareceu na enxurrada durante o temporal que atingiuSorocaba (SP) na tarde desta terça-feira (10). Ele foi localizado a cerca de 700 metros de distância, em um córrego próximo à Alameda das Acácias, no bairro Jardim Simus.

Homem foi atingido por galho de árvore quando
tentou sair do carro (Foto: Reprodução/TV Globo)

O homem tentou cruzar a avenida Américo Figueiredo quando ficou preso no meio da água. Ao ficar do lado de fora para tentar escapar ele foi atingido por um galho e levado correnteza abaixo, para desespero das pessoas que testemunhavam a cena.

O corpo foi encontrado por volta das 8h, em um córrego paralelo ao Itanguá. Com a chuva, a água subiu e o homem foi levado pela água para o outro lado do córrego.

O motorista foi identificado depois que parentes reconheceram a placa do veículo, encontrado horas depois pelos bombeiros dentro do rio. Por conta do trabalho dos bombeiros, uma faixa da Avenida Américo Figueiredo foi interditada.

Segundo o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae), o córrego do Itanguá é o mais extenso da cidade e possui 21 quilômetros, começando na região do Jardim Tatiana, ao lado da rodovia Raposo Tavares e estendendo-se até a avenida Ipanema, onde desemboca no rio Sorocaba.
Corpo de idoso foi arrastado pelo córrego por cerca de 700 metros (Foto: Reprodução/Google Maps)

Carro da vítima foi encontrado a quilômetros de distância (Foto: Reprodução/TV TEM)

'Foi um desespero'
Joselaine Arantes conta que estava dentro de um ônibus quando viu que um motorista tentou passar pela rua, que estava totalmente alagada. “A correnteza estava muito forte e o motorista tentou passar, mas não conseguiu. Ele chegou a abrir a janela, mas foi nessa hora que a enxurrada ficou mais forte e o levou dentro do veículo para o córrego”, diz a moradora em entrevista ao G1.

Homem foi arrastado na Avenida Américo
Figueiredo (Foto: Joselaine Arantes/TEM você)

A moradora afirma ainda que o trecho ficou interditado por aproximadamente uma hora. Algumas pessoas tentaram ajudar o motorista, mas sem sucesso. “Foi um desespero muito grande ver que a gente não podia fazer nada, já que ninguém conseguia chegar perto”, ressalta.

Estragos
A chuva na tarde desta terça-feira (10) resultou em vários pontos de alagamentos e prejuízos para os moradores de Sorocaba e Votorantim (SP). De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, várias equipes do Corpo de Bombeiros e Defesa Civil foram mobilizadas nas zonas sul e oeste de Sorocaba, que foram as regiões mais atingidas.

Segundo a meteorologia, em pouco mais de uma hora choveu na cidade o esperado para dez dias.Os pontos de alagamento foram registrados na Avenida Visconde do Rio Branco com a Avenida Washington Luís, na Avenida Américo Figueiredo e na Avenida Santa Cruz. Até o momento, não há informações de feridos ou desabrigados.
saiba mais
Segundo a Defesa Civil, um muro de um condomínio desabou na Rua Lituânia. Casas foram alagadas no Jardim Itanguá e uma equipe de resgate está apurando a queda do muro de uma creche no Jardim São Paulo.

Já no Jardim Vera Cruz e no Central Parque, um córrego que passa nos bairros transbordou e interditou várias ruas.
Avenida do bairro Campolim alaga em Sorocaba (SP) (Foto: André Luiz Wincler/TEM você)
Carro fica preso na chuva com pessoas dentro, segundo moradora (Foto: Patrícia França/ TEM Você)
Trecho no bairro Jardim Vera Cruz ficou alagado em Sorocaba (Foto: Arquivo Pessoal/Cinthia Ribeiro)

                                                          fonte: Do G1 Sorocaba e Jundiaí

Nenhum comentário:

Postar um comentário