(((rádio lucweb))) : Grupo de dança de Boituva é selecionado para evento nos EUA

17 de mar de 2015

Grupo de dança de Boituva é selecionado para evento nos EUA

Integrantes procuram patrocínio de mais de R$ 70 mil para a viagem.
Companhia foi selecionada depois de vencer campeonato na região.
Depois de vencer campeonato, grupo foi selecionado para festival (Foto: Arquivo Pessoal/ Luis da Silva)

Um grupo de dança de salão de Boituva (SP) foi selecionado para participar da final da competição de dança Alliance Dance World Competition, em Los Angeles, nos Estados Unidos. O evento será realizado em julho de 2015, mas os integrantes já se preparam e estão em busca de patrocínio para a viagem. Eles precisam de R$ 70 mil para custear o sonho.

O grupo de dança chamado Ritmo a Dois, formado há menos de um ano, é um dos projetos da Oficina Municipal de Artes de Boituva. Ele é coordenado pelo professor Luis Fernando da Silva Pinto, que se diz orgulhoso pela conquista. “É uma felicidade imensa. Foi difícil foi fazer a equipe acreditar que era possível vencer, mas participamos e ganhamos. Quando falei da inscrição, eles pensaram que era impossível, mas confiei neles, no quanto estão treinados, e graças a Deus deu certo. Hoje tenho que ficar cortando a ansiedade deles”, afirma.

A equipe é formada por 12 dançarinos amadores entre 16 e 45 anos: alguns treinam dança há mais de cinco anos, enquanto outros começaram há menos de um ano. Nenhum dos artistas paga para participar do projeto. “Ensaiamos aos sábados das 8h às 11h, mas não é só nesta hora que os treinamentos ocorrem, pois todos acabam ensaiando por conta própria ou com parte do grupo durante a semana. Todos dão o melhor”, revela.

A felicidade de ser aprovado para participar do evento, porém, será concreta só depois que o grupo conseguir mais de R$ 70 mil em patrocínio para competir: sem condições de fazer a viagem por conta própria, os dançarinos pedem apoio à prefeitura e a empresas para participarem da tão sonhada disputa.
Integrantes dançaram gafieira para vencer seletiva
(Foto: Arquivo Pessoal/ Luis da Silva)

Silva explica ainda que entre as despesas previstas estão a viajem e hospedagem. Se conseguirem verba suficiente, os dançarinos de Boituva concorrerão a troféus, prêmios em dinheiro e também bolsas de estudos em companhias de dança internacionais.

“É uma grande oportunidade principalmente para uma aluna nossa, a Natalia Gaspar Bíscaro, de 18 anos, que sonha com uma chance de estudar e trabalhar na área. Ela fazia balé quando criança e já faz dança de salão há cinco anos. Se ela conseguir vou ficar sem palavras, muito orgulhoso por ver que o trabalho de tantos anos dela e o meu também deram resultado”, ressalta.

A companhia de dança foi selecionada após vencer a 12ª edição do Encontro Latino Americano de Danças, durante o Salto Fest Dance, campeonato realizado em Salto (SP) e credenciado pela competição internacional Alliance Dance World Competition como uma das seletivas no Brasil. Participaram do evento sete grupos, entre eles equipes de Minas Gerais, Ceará e do interior de São Paulo.

“Dançamos uma gafieira na seletiva. Foi a música ‘Balança pemba’, interpretada por Marisa Monte. Mesmo sendo daqui há meses, já estou pensando na coreografia para a final nos Estados Unidos. Penso em fazer algo que misture a gafieira com outros estilos de música nacional, para representar bem o Brasil no evento”, conta Silva.

Os finalistas, além de competirem com os melhores bailarinos e grupos da América Latina, Europa e Estados Unidos, poderão participar de uma intensa programação de aulas e workshops com os principais coreógrafos das grandes produções de Hollywood. Além da categoria de dança de salão, o evento vai contar com disputas por melhor coreografia, melhor bailarino, melhor bailarina e melhor grupo nos estilos ballet clássico, jazz, estilo livre, contemporâneo, sapateado americano, clássico livre, danças urbanas, danças populares, dança irlandesa e vídeo dance.
Grupo Ritmo a Dois concorrerá em evento nos Estados Unidos (Foto: Arquivo Pessoal/ Luis da Silva)
                                                      fonte: Caio Gomes Silveira Do G1 Itapetininga e Região

Nenhum comentário:

Postar um comentário